quinta-feira, 2 de agosto de 2012


“O que mantém alguém perto de você é uma força de atração invisível. Uma energia que não segue nenhuma regra, nem obedece a comando algum. Ela pode surgir de um acontecimento, graças a um gesto ou, simplesmente, acontecer.
É uma forma de amor genuína, que não precisa de provas pra existir, nem “porquês”. Ela atravessa qualquer dúvida e sobrevive aos desafios da convivência. É uma ligação rara e valiosa.
Requer cuidado, vontade e dedicação. Vem de um afeto espontâneo que desfaz qualquer nó – só cria laços.”
(Fernanda Gaona)

Um comentário:

  1. Estou te seguindo

    http://pequenasevidenciasdoamor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir